Como trabalhar com a DIVERSIDADE EM AULA?

DIVERSIDADE.BANNER.fw

Atualmente, sabemos o quanto cada aluno é diferente do outro e que cada um deles cria estratégias próprias de aprendizagem. Além disso, um aprende de forma distinta do outro. É a diversidade! Mas… como podemos trabalhar com essa diversidade em sala de aula?

 

  1. Estações de trabalho: usar estações de trabalho são uma opção. A proposta é que uma vez por semana os alunos sejam agrupados e trabalhem, em cada grupo, uma atividade diferente, com atividades de manipulação ( como fichas, por exemplo ) e de registro. A cada nova semana os grupos trocam de estação e, ao final de quatro semanas, você terá trabalhado com o conteúdo ou com temas de quatro formas diferentes. Impossível não aprender um pouco mais desta forma. Além disso, o tempo de trabalho das estações não toma muito tempo das disciplinas! Apenas 50 minutos ou uma hora semanais dão conta do recado.

No momento, tenho apenas um título destinado às estações de trabalho, mas pretendo aumentar as coleções em breve! Fique de olho!

 

Estação matemática inicial: http://www.janainaspolidorio.com/estacao-matematica-inicial.html

 

  1. Usar estratégias de educação personalizada: a Educação Personalizada é muito mais aprofundada do que se imagina. Ela é trabalhada em forma de oficinas, que a escola contrata conosco. Há conteúdos específicos de trabalho, embora alguns deles – muito poucos, aliás – estejam disponíveis na loja virtual.

Não poder usar os conteúdos e apostilas não significa que não possa usar as estratégias! Elas estão disponíveis no meu livro “Aula – Os Segredos”, que conta por partes estratégias testadas e que deram muuuuito certo em sala de aula. Na verdade, são estratégias que permearam meu trajeto para o estudo da educação personalizada. Vale a leitura! Como é um livro que sai demais, nem sempre está em estoque, pois o estoque acaba rapidamente – ainda bem, né? Significa que as pessoas gostam e procuram! Se não estiver disponível quando entrar no link, tente novamente dentro de uns 20 dias, pois é o tempo hábil que tenho para a renovação do estoque… se não houver contratempos.

 

Aula – os segredos: http://www.janainaspolidorio.com/aula-os-segredos-com-frete-incluso.html

 

  1. Trabalhar o mesmo conteúdo de acordo com níveis de aprendizagem: quando estava em sala de aula, ouvi algumas vezes que deveria fazer atividades de acordo com as hipóteses ou com o que o aluno necessitava. Pensava que a pessoa sugeria porque não estava com tudo o que eu tinha que fazer: planejamento, rotina, atividades, ver agendas, fazer relatórios, corrigir cadernos… ufa! Era muita coisa mesmo! Ao começar a trabalhar com a elaboração de atividades notei o grande erro… a grande mancada de tudo isso! As atividades deveriam estar prontas para uso. Assim, eu teria que me preocupar com a aprendizagem do aluno e não com a atividade. Se as atividades diferenciadas estiverem prontas, é tranquilo trabalhar com elas.

O fato é mais pontual em salas de alfabetização, devo confessar. Com as hipóteses de escrita, o trabalho diferenciado nas atividades consegue atender às hipóteses e melhorar a aprendizagem. Tenho alguns trabalhos voltados para esse tipo de trabalho também. Confira:

 

Capoeira – trabalhando com hipóteses de escrita: http://www.janainaspolidorio.com/capoeira-trabalhando-com-as-hipoteses-de-escrita.html

 

Turbo alfabetização – vários títulos: http://www.janainaspolidorio.com/catalogsearch/result/?q=turbo

 

  1. Desenvolva o raciocínio: em lugar de se preocupar com as “matérias”, com os conteúdos, deixe-se algumas vezes se preocupar com o RACIOCÍNIO. Não digo isso porque é o ponto central de meu trabalho e a base de todas as minhas atividades. Digo porque se o aluno pensa, ele consegue fazer. Se você trabalhar com a inteligência, seja qual for o conteúdo ou matéria que você esteja trabalhando, o aluno irá conseguir entender. Em lugar de notar que ele não faz contas, por exemplo, tente descobrir o motivo que o impede. Não trate a conta matemática como um procedimento e sim como um ponto de desenvolvimento da inteligência. Use-a para descobrir qual estratégia é falha e proporcione situações para que o aluno desenvolva a inteligência que necessita.

Para ajudar, tenho quase 500 títulos disponíveis que trazem resultados fantásticos em sala de aula! Para ver o catálogo virtual completo, com imagens, basta clicar no link a seguir:

 

CATÁLOGO VIRTUAL: https://www.pinterest.com/austenbr/cat%C3%A1logo-num%C3%A9rico/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *