Relatórios finais PRONTOS!

Fim do ano é época de relatórios e mais relatórios para os professores. Em muitas escolas é o momento de redigir sobre o desempenho do aluno e este é um relatório bem importante.

Algo que aconteceu diversas vezes comigo foi pegar relatórios dos alunos do ano anterior e ele não condizer nadinha com a realidade da criança. Parecia que falava de outro aluno. Certamente notava-se que a professora fazia um texto quase que único de um aluno para outro e devo dizer que isso sim prejudicava meu trabalho, pois eu tinha que descobrir tudo novamente sobre o aluno, para poder sanar as dificuldades que ele tinha.

Relatórios são algo de extrema importância e fazer relatórios da forma certa pode ajudar demais o professor do ano seguinte e também o aluno. Sempre encarei o relatório como uma “carta de recomendação” para o colega do próximo ano. Sei que nem todos leem essa documentação, mas bons profissionais, como eu – e você, uma vez que está lendo esta postagem, certamente também se preocupa com a qualidade de seu serviço! – sempre leem relatórios antes de receber os alunos. Assim, sabemos o que esperar, mas para que dê certo é preciso que sejam leais aos fatos.

Escrever relatórios não é fácil. Meus relatórios sempre foram muito elogiados por serem claros. Até os pais teciam elogios bem bacanas sobre eles e nada melhor do que um trabalho bem feito.

Aprendi a fazer relatórios na escola de idiomas que trabalhei em meu primeiro emprego como professora. Eles tinham, na PBF, uma apostila de relatórios. Ela continha frases prontas que ajudavam – e muito! – a montar relatórios. Essas frases eram divididas por itens, como comportamento, qualidades, defeitos…

Mesmo quando o aluno tem problemas, é possível fazer um relatório positivo – aprendi isso nessa época da escola de idiomas também! As frases ajudavam demais e continuaram ajudando por muitos anos… por duas décadas de aulas que lecionei, para ser mais exata. Sempre me renderam grande sucesso profissional.

A apostila permaneceu na PBF, depois que mudei de emprego, mas as frases me acompanharam. Já as tinha folha-fwusado tanto no Report Card ( boletim ), que já as sabia e desenvolvi ainda muitas outras.

Todo esse trabalho de comentários prontos para fazer relatórios finais não ficou perdido! Juntei muito dele em um material que traz muuuuitos comentários prontinhos para que você monte seu relatório de aluno, só lhe deixando o trabalho de algo que seja muito específico.

Ter esse material é super fácil! Ele faz parte de minha “Revista Digital de novembro de 2013” e está disponível na loja digital, para quem desejar adquirir.

A Revista Digital era uma publicação que tive em parceria com uma grande colega e trazia todos os meses entre cento e poucas, duzentas páginas para assinantes. Eram materiais prontos tanto para usar com alunos quanto com a coordenação – a parte burocrática do professor. Era fantástica, mas infelizmente os professores não estavam preparados na época – acho que foi isso. A publicação ficou um ano e meio no ar, mas não se pagava, pois não havia assinantes suficientes para sustentar os gastos.

Essas publicações estão, contudo, na loja digital e uma delas é essa, que mencionei. Já mencionei sobre o que era, pois quem compra uma Revista Digital, sempre quer comprar as outras, de tão boa que é a qualidade.
revista-digital-outubro-2013           Bem, para você adquirir os relatório, basta clicar no link a seguir ou na CAPA da revista digital ao lado!

Link: http://www.janainaspolidorio.com/revista-digital-edicao-de-novembro-de-2013.html 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *