Multiplicação na PRÁTICA!

Multiplicação é algo que devemos nos dedicar a ensinar, uma vez que o modo como ensinamos pode levar o aluno a amar ou odiar o conteúdo. Isso vale para tudo, mas imagine aprender a multiplicação de um jeito que você já antipatiza com ela… considerando que usamos ela em várias situações cotidianas e vamos ter que usar também na escola por muuuuuito tempo.

CARACOL MULTIPLICATIVO       Falando em multiplicação, há duas coisas distintas: aprender o conceito e treinar. Os dois são importantes, mas são coisas bem diferentes para ensinar. Na minha singela opinião, treinar é muito mais fácil do que aprender conceito. Treinar é algo que tem como objetivo mais a memória, em especial nesse caso. Para isso servem os CARACÓIS MULTIPLICATIVOS de minha loja virtual! Eles ajuda – e muito – o aluno a treinar a tabuada e de um jeito divertido!

Para saber mais sobre o material, clique em https://janainaspolidorio.com.br/caracol-multiplicativo-interativo.html ou na imagem do material ao lado.

 

E há também outros materiais, CLARO! Particularmente, gosto muito do GINCANA MATEMÁTICA e do SEQUENCIADA PET. Ambos treinam bem a tabuada e ainda trazem a vantagem de serem contextualizados.

Para saber mais detalhes do GINCANA MATEMÁTICA, clique em https://janainaspolidorio.com.br/gincana-matematica.html

Para saber mais detalhes do SEQUENCIADA PETS, clique em https://janainaspolidorio.com.br/sequenciada-matematica-pets.html

Ensinar conceito, por outro lado, acho mais trabalhoso, porém mais importante. Trabalhoso, porque quando ensinamos o conceito é essencial apresentar mais de uma estratégia, para que o aluno possa aprender de modo aprofundado e compreender mesmo o que estamos ensinando. Ensinar “por cima” só vai dar mais trabalho depois para nós mesmos e para os professores seguintes.

multiplicacao passo a passo            Veja, ser professor é ter responsabilidade por algo precioso, que é o conhecimento. Dependendo de como você ensina, isso afetará a criança para o resto da vida.

No caso de multiplicação, há muuuuitas maneiras de explicar estratégias e uso algumas delas no meu material MULTIPLICAÇÃO PASSO-A-PASSO, que é tão completo, que acabei dividindo em parte 1 e parte 2. Como não vem ao caso esse material nesse momento, vou só deixar o link, caso você ache interessante saber mais detalhes. Você pode clicar no link ou na imagem! Link: https://janainaspolidorio.com.br/multiplicac-o-passo-a-passo-parte-1.html 

Para a atividade PRÁTICA que vou ensinar a seguir, usei 4 das muitas estratégias de multiplicação que conheço, mas você pode eleger outras 4! O importante é o aluno fixar o conceito mesmo. Veja a seguir as estratégias que usei na atividade prática:

multiplicaçao estrategias

Para fazer esse post, pensei em usar as estratégias e construir algo que se tornasse significativo para o aluno, então usei um BALÃO DE AR QUENTE construído de papel. Em cada face do balão, uma estratégias. No cestinho, a operação em escrita matemática.

Fiz até um passo-a-passo para mostrar como eu fiz. Note que NÃO USEI MOLDE. Eu mesma desenhei um formato de balão, mas você pode procurar formatos de balão na internet. Outra opção é fazer o formato de um círculo, usando tampa, por exemplo, e depois puxar a parte de baixo de uma das extremidades do círculo. Desta forma, você também tem um molde. No meu caso, como corto “de cabeça”, sem riscar, já dobro logo o papel no meio, só para manter a simetria, e recorto no formato que imaginei.

ESTRATEGIAS MULTIPLICAÇÃO

Vou dizer que o resultado final me surpreendeu! O ARTUR curtiu bastante a engenhoca e ele aposta que você vai gostar muito. Ele disse que ia adorar fazer um desses na aula! Imagine só o brilho nos olhos dos seus alunos quando estiver terminado e eles tiverem um balão da multiplicação só para eles. É o incentivo à aprendizagem mesmo.

ARTUR BALÃOE olha aí do lado a foto do ARTUR com o balão dele! Claro que ele quis fazer um só dele, né?

Para montar esse balão, levei em torno de 35 minutos, contando já o tempo que tive que montar o molde. Com os alunos, se as peças já estiverem montadas, acredito que leve menos de 1 hora, já contando os imprevistos e se você se organizar bem para passar a proposta.  O Artur levou menos,  porque para o dele as peças já estavam recortadas – já tinha cortado dois de cada no papel colorido, porque eu previa que ele ira querer.

Lembrando que recomendo fortemente que sempre leve um modelinho na aula e que você tenha feito anteriormente a atividade.

Espero que tenha gostado da ideia que eu trouxe hoje! Até a próxima!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *